iG - Internet Group

iBest

brTurbo

+

rss Celular

  • 14:06
  • 25/02

Coletânea revela as relações econômicas entre países latino-americanos e africanos

Atlântico Sul XXI – África e América do Sul na virada do milênio analisa as relações econômicas estabelecidas entre ambos os lados do Atlântico, destacando as lutas bem-sucedidas empreendidas contra a pobreza em um quadro de acordos de livre-comércio entre os países dos dois continentes. Os textos reunidos neste volume, co-editado pela Editora Unesp e Uneb, resumem trabalhos de pesquisa desenvolvidos no Brasil, Angola, Argentina e África do Sul, dando um caráter sistemático a anos de contato intermitente.

A ideia de que a América do Sul e o continente africano são ligados apenas por elos derivados do tráfico negreiro permanece sólida quando tratamos da proximidade entre os dois continentes, entretanto, Atlântico Sul XXI mostra outros fatores que colaboram para uma ligação entre eles, caracterizando três pontos fundamentais. O primeiro é a compra de petróleo nigeriano e argelino pelo Brasil, depois as trocas com a África do Sul e, por último, a exploração insuficiente do diálogo devido ao desconhecimento das oportunidades e capacidades de ambos, além da falta de mecanismos que colaborariam para uma maior comunicação entre os países.

Negociações importantes também foram abordadas, entre elas as que favoreceram a aproximação entre a América do sul e o continente africano, como o Mercosul (Mercado Comum do Sul) e a Sacu (União Aduaneira da África Austral) que tiveram como objetivo criar uma zona com barreiras alfandegárias reduzidas e, posteriormente, uma zona de livre comércio que tem grandes possibilidades de tornar-se um dos principais eixos de relacionamento Sul-Sul.

Em Atlântico Sul XXI, a aproximação percebida entre os continentes se deve às afinidades culturais, que colaboram com as pesquisas de mercado e com os contratos, à existência de uma linha de crédito brasileiro para operadores de Angola, além da grande recuperação do comércio exterior entre os dois países. Entretanto, ainda são vários os fatores que dificultam essa relação, como a existência de diferentes níveis de desenvolvimento que exigem a implementação de instrumentos que possam promover uma transição e impedir que os desequilíbrios se intensifiquem.

Sobre o organizador – Jonuel Gonçalves é economista, professor da Universidade do Estado da Bahia (Uneb), em Salvador, e pesquisador de Estudos da Educação e Desenvolvimento em Ondjiva, Angola.

Título: Atlântico Sul XXI - África e América do Sul na virada do milênio
Organizador: Jonuel Gonçalves
Número de páginas: 265
Formato: 14 x 21 cm
Preço: R$ 42
ISBN: 978-85-7139-983-9

Os livros da Fundação Editora da Unesp podem ser adquiridos pelo telefone (11) 3107-2623 ou pelos sites: www.editoraunesp.com.br ou www.livrariaunesp.com.br.



Comente

Termos de Uso
Topo
Contador de notícias